Os 8 países menos visitados do mundo

Não há muitos motivos que justifiquem o fato destes países serem pouco visitados. Descubra cada um deles e ajude a aumentar o número de turistas por lá!

Se você acha que neste post você vai encontrar países em guerra, conflito ou ditaduras extremas, então você pode se surpreender. Entre os destinos menos populares para os turistas, não estão apenas as nações politicamente instáveis, mas também ilhas paradisíacas, países prósperos, surpreendentemente discretos e pequenos Estados.

1. Liechtenstein
Um dos países mais prósperos do mundo, localizado no centro da Europa, entre as maiores atrações turísticas, faz parte dos destinos menos visitados do mundo. Não pode ser apenas por causa de seu reduzido tamanho, porque lugares como Mônaco, Luxemburgo ou Andorra são pequenos e conseguem atrair muitos turistas. É claro, que não ter um aeroporto internacional não ajuda muito, mas não é uma desculpa, já que St. Gallen fica a apenas 50 quilômetros de distância do aeroporto de Friedrichshafen e de Zurique são somente 100 km.

2. Butão
O Reino do Butão está nesta lista porque opera uma estratégia de turismo de "alto valor e baixo impacto". Isso significa que você só poderá visitar o país se o seu visto for obtido através de um operador turístico butanês ou um operador no seu país de origem que faça uma ligação com o operador local. Eles lidam com o pedido de visto. Apesar da burocracia, é um destino imperdível, cheio de contrastes, com paisagens apaixonantes.

3. Moldávia
O jovem Estado da Moldávia só existe desde 1991 e é um país pouco conhecido por turistas, provavelmente por causa de sua juventude. Embora exista apenas um aeroporto internacional, a infraestrutura para receber os turistas não decepciona. Moldávia tem uma paisagem pitoresca e aldeias tradicionais para se comprar artesanato, além de vinhedos e uma abundância de lugares para experimentar seus deliciosos vinhos. Na verdade, este país é um dos maiores produtores de vinhos do mundo. Graças à sua turbulenta história, seus arredores abrigam muitas atrações históricas, como fortes romanos e igrejas de grande beleza. A culinária da Moldávia está intimamente relacionada com a romena e também traz influências russas, gregas e turcas. Uma mistura emocionante!

4. Tuvalu
A nação insular de Tuvalu, com suas três ilhas e seis atóis, está no ranking dos países menos visitados do mundo e, anualmente, recebe menos de 2.000 visitantes. Mas qual é o seu problema? Certamente não é a instabilidade política, já que não há ditadura e o lugar é, na verdade, um paraíso. A única dificuldade pode ser sua localização remota no Pacífico, entre o Havaí e a Austrália. Eles têm um aeroporto, mas não é muito usado. Se você quer ver um paraíso tropical intocado, não se esqueça de passar por Tuvalu e que seja logo, pois a elevação do nível do mar ameaça a sua sobrevivência.

5. Antártica
Um destino emergente, mas ainda não muito turístico, é a Antártica. Muito emocionante, é também um destino difícil de ser visitado, devido à falta de infraestrutura. A melhor combinação para a viagem é tirar férias no Chile ou Argentina, de onde partem os barcos para o continente branco. Desde já lembramos que este lugar cheio de natureza intocada merece cuidado, por isso lembre-se de ser respeitoso.

6. Bielorrússia
Por que a Bielorrússia ou Bielo-Rússia é um dos países menos visitados? É completamente um mistério. Um grande país no coração da Europa, com uma história emocionante e arquitetura surpreendente, deveria atrair inúmeros turistas, todos os anos. Se você ainda o vê como o irmão mais novo da Rússia, aproveite e descubra o quanto este lugar tem a oferecer. Palácios, monumentos, igrejas, castelos, torres... A Bielorrússia tem tudo e muito mais. Também não é de se estranhar que o maior país da Europa sem saída para o mar, tenha lindos parques naturais e uma série de espetaculares reservas naturais. Minsk, a capital, tem 900 anos e é influenciada pela arquitetura do período da União Soviética.

7. San Marino
É verdade que San Marino não é tão pouco visitado como outros países da lista, mas ainda está entre os destinos menos conhecidos para férias. Talvez seja porque este pequeno Estado esteja totalmente integrado à Itália. Conhecido como a República mais antiga da Europa, fundada em 301 DC, San Marino fica a apenas 15 quilômetros da costa do Mediterrâneo, no Monte Titano e em seu pequeno território há muitos monumentos e museus. Hotéis não são abundantes e as grandes redes estão bem perto do mar, mas tudo está muito bem conectado, então não há desculpas.

8. São Tomé e Príncipe
Este grupo de ilhas, juntamente com as Ilhas Seychelles, é o segundo menor país da África e está localizado a oeste, cerca de 250 quilômetros do continente africano. Com apenas 15 mil visitantes por ano, as duas principais ilhas de São Tomé e Príncipe são paradisíacas e perfeitas para relaxar. As palmeiras, praias, florestas tropicais e até mesmo um vulcão que parece prestes a voar para longe. Honestamente, não há nenhuma razão para não se descobrir este paraíso intocado.

Mundo MS Inc.

Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica.